sábado, 11 de julho de 2020

Você já conversou com alguém hoje?

Será que você precisa de alguém pra conversar?



Esses dias de pandemia eu estava super aflita com algumas questões pessoais. Não sei onde vocês estão, mas eu sou de São Paulo - Brasil e são inúmeros os dramas, principalmente para uma pessoa que sofre de ansiedade. 
Transformar a tristeza em combustível para sua próxima vitória ...Em primeiro lugar, há a crise financeira. O país está mergulhando em um caos social e todos os meus amigos estão passando por algum tipo de problema financeiro - além dos que foram demitidos, há os que tiveram redução de salário, suspensão de contrato de trabalho (sem vencimentos), dentre outros. Assim, tantos sonhos que tínhamos para esse 2020 ficam sufocados por uma avalanche de dívidas e preocupações. 



Uma semana após reabrir escolas, França fecha 70 por causa de ...Outro problema que tem me afligido é em relação ao meu trabalho. Sou professora e aqui nos preparamos para voltar às aulas presenciais em 8 de setembro. Isso seria motivo de comemoração, pois estamos exaustas e não aguentamos mais as aulas remotas que não alcançam a maioria dos alunos, porém conhecemos a realidade das escolas públicas aqui do Brasil. 
Eu trabalho em um complexo que é considerado bom em termos de estrutura, porém meus alunos constantemente passam por problemas como falta de papel higiênico ou outros insumos essenciais nos banheiros, por exemplo. Quem dirá sabonete e álcool em gel. Além disso, são escolas de estruturas abafadas, como garantir a circulação de ar? A prefeitura lançou um protocolo de retorno que parece uma piada - coisas como atribuir aos professores a função de garantir que os alunos não toquem em nada uns dos outros e fiquem constantemente de máscaras - imaginem isso por cinco horas. Não sei como é o ensino fundamental por aí, mas aqui são mais de trinta alunos em uma sala de aula. Como faria o professor para garantir que isso não aconteça em nenhum momento? 
Nem vou comentar outros absurdos do protocolo, como dizer que as professoras de creche devem acolher e abraçar os bebês (alô, contato físico??), dizer que a escola deve ter uma sala para isolar o aluno que apresentar sintomas (essa criança vai ficar sem contato com ninguém por quantas horas, sozinho, com fome, medo??), ou dizer que o prof que apresentar sintomas deve, se não houver quem o substitua, permanecer na sala de aula (isso mesmo, oferecendo risco a mais de trinta crianças).... 

Dentre tantas preocupações, eu cheguei ontem à conclusão de que:

A quarentena é solitária e está prejudicando a nossa saúde mental

Eu acabei de compartilhar com vocês só um pouquinho dos meus problemas, mas a discussão que eu queria mesmo levantar é a seguinte: como vocês estão lidando com os seus problemas da pandemia? Pois é preciso conversar. Sabe aquele amigo de confiança? Hora de ligar para ele. 
Ontem eu enviei mensagem no Whatsapp para três amigas lindas que eu tenho muita confiança e sabe o que aconteceu? Elas me ouviram e compartilharam as próprias angústias também. E é muito libertador saber que não é só você que está enfrentando todos esses problemas. Também é muito bom poder ouvir os problemas de outra pessoa e aconselhar. 
Sério, gente, a lição que eu tiro de tudo isso e precisava compartilhar com vocês é essa: 

Conversem com alguém hoje.

Stranger Things: dá para ligar de verdade no número que aparece na ...
Imagem de TecMundo

3 comentários:

  1. Olá!
    Confesso que estou bem solitária, não que ame ficar o dia todo rodeada de gente. gosto do meu espaço sozinha mas, estou sentindo falta do contato com as pessoas. De bater papo, de ver e sentar para comer na rua. Mas, isso vai demorar muito para acontecer primeiro por causa da pandemia e segundo porque não estou preparada para voltar ainda.
    Beijocas.

    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Eu não consigo imaginar um retorno das crianças menores, sério mesmo, e ainda tem o fato dos professores ficarem sobrecarregados, pois além das aulas, ainda teria esse outro aspecto a ser observado.

    Quanto a outra coisa, graças a deus minha família mora todo mundo no mesmo lote, então não nos sentimos sozinhos, e meu grupo da igreja começou a fazer reuniões online pra mantermos sempre em contato, isso ajudou bastante.
    bju
    Ava
    https://apenasava.com/

    ResponderExcluir
  3. Que post maravilhoso, por sorte tenho amigas e o boy para conversar e compartilhar meus pensamentos nesse momento tão complicado.

    Beijos
    www.pimentadeacucar.com

    ResponderExcluir

Bichectomia - Como funciona?

Como funciona a Bichectomia? Nem todo leitor desse blog sabe, mas há cinco anos eu passei por uma cirurgia plástica. Não foi a bichectom...